20130709-140613.jpg

Avanço Culinário

Não. Esse não é um blog sério. Muito menos sobre culinária. Mas é impossível adentrar a maternidade e não questionar seus dotes.

Tem 3 coisas que eu sei fazer bem: brownie (sou boa mesmo), brigadeiro branco e salada de rúcula (lava a rúcula e tempera durrrr!). Como podem ver sou um desastre. Eu e cozinha. Água e azeite.

Bento tem sofrido na minha mão para preparar papinhas pra ele. Ah! E tem mais, não sei cozinhar, mas sou exigente! Não dou carne, açúcar, nem leite de vaca. Frango e ovo só caipira. Sempre que posso dou orgânicos e nem preciso dizer que fritura e industrializados estão fora.

Ando cansada dessas muletas “culináricas” e estou querendo aprender algumas coisas. Para isso vou fazer essa coluna no blog como forma de incentivo. Uma vez por semana vou dividir um AVANÇO CULINÁRIO – ou uma tragédia culinária, já que se trata da minha pessoa.

Como não pretendo dar leite de vaca, comecei a pesquisar opções de outros leites que eu possa fazer em casa – uma caixa de leite de amêndoas com arroz custa em torno de 15 reais.

Todo mundo sabe que os grãos são ricos em um monte de coisas e não sou eu que vou explicar isso agora.

Comecei pelo leite de gergelim. Ele, do “dois hamburgueres, alface, queijo, molho especial, com picles num pão com GERGELIM. Quem nunca, né?

O gergelim é rico em cálcio, então, é um ótimo substituto pro leite de vaca. Uma vez uma mãe de um grupo do facebook que participo escreveu um post indignada porque o pediatra do filho falou para ela não dar leite de vaca e como opção deu o gergelim. Ela escreveu assim: “Vou dar o quê? Um quilo de gergelim?!” A mulherada a acalmou e disse que talvez ela tivesse uma preciosidade de pediatra nas mãos sem saber.

Anota aê:

- deixe de molho por 8 horas um copo com gergelim
– depois, bata com 4 copos d’água
– coe

Dura uns 3 dias, por isso, não adianta fazer um montão.

Uma dica pessoal: bata com frutas senão fica um gosto horroroso! Coloque na proporção mais fruta que leite. Eu fiz uma vitamina de banana. A banana estava super doce e mesmo assim tive que colocar duas para uns 180ml de leite. O gergelim tem um gosto super forte.

Bento tomou uns 200ml de vitamina de banana no copinho de tequila – é sério, no copinho mesmo. Afinal, ele já tem quase um ano!

Mais tarde fui bater com mamão para dar antes de dormir. Tinha pouco mamão, ficou intragável. Aí, a malandra aqui, resolveu colocar maçã raspada. Estava na casa da minha mãe e não achava o mixer. Fui ralando a maçã e colocando no leite. Continuou uma porcaria. Não satisfeita de cagar com o leite do moleque, adicionei uma tangerina. Vai que, né? Ficou mais que terrível de péssimo. Como podem ver, sou uma alquimista praticamente. Deu 22h, Bento acordou, deu duas bicadas na mamadeira e rasgou minha blusa gritando “peitoooooo!!!” Dei toda razão a ele.

Resumindo meu avanço culinário:

Gergelim é bom,mas é forte.
Prove antes.

Beijos,

da mestre cuca de guerrilha infantil

2