Todos os posts taggeados família

IMG_1198.JPG

Quelóide

Culpa.

Em geral, quem lê o meu blog ou minha Fan page comenta que acha leve a forma que encaro as dificuldades da maternidade (aquelas comuns a qualquer cuidador) e da maternidade solo (aquelas que só uma mãe solteira passa).

Continue lendo.

100000626705459_1143267

Gorda: a irmã do Bento

Shell teve quatro filhotes e sobreviveram 3 meninas. Continue lendo.

foto

Ares

Quando me mudei para uma casa, pensei: melhor que dedetização é ter gatos. Continue lendo.

chegada shelda 005

Shell: irmãos do Bento

Continuando as apresentações da família.

Já apresentei Pucca, a primopugênita. Continue lendo.

100000626705459_352155

Os irmãos do Bento: Pucca

Bento tem irmão e irmãs. Não é meu filho único. Para explicar melhor, dedicarei os próximos posts a apresenta-los. É o fim do anonimato.

Eu comi merda – disse eu ao meu pai. Guarde essa informação. Continue lendo.

222126_10151243485882292_1102059802_n

Bento origens

Eu sempre digo, minha vida, meu destino, meu coração não seriam os mesmos sem minhas avós. Elas que, após meu nascimento, se revezavam aos meus cuidados. Tempo bom… que eu não lembro, mas lembro. Tudo registrado na minha alma. Continue lendo.

flor de fogo[1]

Fernanda Origens

Aquariana com ascendente em touro e lua em peixes. Não se engane. Continue lendo.

1 ano sem Vovó Ritinha

Há 1 ano eu perdia uma das pessoas mais importantes da minha vida, minha vovó Ritinha. Aquela que matava e morria pela família, sólida como uma árvore centenária, não havia situação na qual não se podia contar com ela. Movia o mundo quando queria algo e, em geral, esse algo era para uma 3ª pessoa com quem ela havia se compadecido. Não atrapalhava seu tamanho, sua idade, sua surdez. Ariana que era, missão dada era missão cumprida.
Falta enorme que ela faz… Hoje vejo que sem querer querendo segui muito do que ela desejou para sua vida, porém era uma mulher do seu tempo. Amava esportes, amava aprender. Tinha uma preocupação enorme com as menorias: “Você vai deixar comida no prato? Pense quantas pessoas estão passando fome nesse momento.” Tudo bem era um certo terror psicológico para uma criança (rs), mas ela tinha razão.
E a perseguição para apagar as luzes? Excelente herança que não envolve apenas redução na conta de luz, mas uma preocupação com o meio ambiente. Uma casa receptiva e sempre impecável, pronta para receber visitas a qualquer momento. Sempre arrumadinha, cheirosinha, maqueadinha…
Vó, muito obrigada…
Não tive a chance de dizer tudo que queria a você, mas espero que ouça meu coração com maior clareza de onde estiver. Eu só tenho a agradecer e lamentar sua ida. Brigamos tanto e nos amamos tanto… Bom saber que estive do seu lado até o último segundo.
Saudades eternas…
Sua neta Fernanda Nunes
25/06/2011