556310_10151503732182292_16946712_n

Sei… Maluca…

A pessoa marca um horário com a astróloga. Está cansada de tomar nos relacionamentos. Está disposta a olhar melhor seus podres a fim de melhorá-los. Parar de escolher tão pessimamente mal seus parceiros. “Vou lá, vou entender esse complexo de Édipo filho da puta, ou então, vou compreender porque me saboto tanto.” Um amigo a vê sem namorado aparente e lhe diz:”Pelo visto você está em encrenca!” Ela pensa: “Gosto de desafios! hahaha” Sei, ha… ha… ha… Chega de desafios, vou na astróloga.

Chegando lá, já abre o tema. Fulaninho me paquerava, mas tinha noiva. Beltraninho dizia que me amava, mas era casado. Sicraninho, ficava em cima de mim, mas sumia no final de semana. Carlos Roberto? Ah, esse era doido por mim, mas, sei lá, meio maluco.

Do que adiantará, a pobre astróloga dizer que tem vênus em peixes, plutão quadrado vênus, escorpião na 7, escorpião na piriquita, netuno quadrado a porra toda? A ilusão, atribuída às influências de Netuno é quase uma condição para ser mulher. Admiro mulheres práticas e, até meio frias, que sabem que o namorado é podre, mas mesmo assim gostam e querem ficar com ele. Não sou dessas.

Do que adianta falar que que você vai ter que viver a podridão de homens que adoram um proibido, devido a um escorpião na 7 (piriquita)? Que mulher nunca viveu? Atire a primeira pedra! Adoro quando me dizem: “Nunca fui chifrada!” Falam com tanto orgulho essa porra, que tenho vontade de pegar o namorado só pra ser corna humilde. Acho que, nessa vida, é melhor ser humilde. Eu sempre respondo: “Eu já fui, não é nada legal, mas basta você parar de gostar do cara que puf! A mágoa acaba e você só o acha idiota.” Nada como o tempo, uma boa música e um novo amor.

Mas então, mulher, em geral, procura o príncipe salvador. Chegando de Ferrari com mil poesias para recitar. Ele larga tudo por ela, cidade, ex amores, peguetes, agenda do celular, cartas e fotos antigas, cigarro, futebol de domingo. (Eu surto se algum homem largar o futebol de domingo por mim. Surto no mal sentido. Tenho crise de asma e os caramba. Pelamor! Keep on o fut de domingo.)

O tempo passa e você, mulher, como eu, não é burra. E ele, como qualquer outro, não sabe mentir, nem disfarçar. Você jogava o jogo da cobra no celular dele, era mais legal que o seu. Compraram juntos, e ele deixava na sua mão sem a menor nóia. Agora, engraçado, dorme agarrado no celular e até pra mijar leva pro banheiro. Tipo segura o pau e o celular ao mesmo tempo. Primeiro você pensa: “Tô ficando neurótica achando que ele tá grudado no celular me escondendo algo, lembra do que a astróloga disse: ilusão, sabotagem e etc.” Você leva a situação à diante. Até que um dia, já desconfiada e com peso na cabeça (a galhada cresce de vento em popa), diz: “Foda-se, vou olhar essa porra!” Está lá: “Você vem hoje? Me pega que horas?” Remetente? A vadia que ele dizia “amor, relaxa, cara, mulher maluca…” Maluca… Quem fica maluca é você! Vai fritar as bolas do cara ao vivo no programa do Olivier e, em seguida, vai roubar um beijo do cara! Eu roubaria.

Vamos chegar agora no ponto. Já repararam, mulheres, que a mulher que você está desconfiada, que manda mensagens muito coerentes para o seu (ou de todas) macho é sempre maluca? Na boa, acho que se todas as mulheres que os homens falam que são malucas, porque estão dando em cima deles , eles (seres indefesos) não sabem do que se trata ou não sabem como cortá-las, estaria faltando tarja preta no mercado.

Então, a mulher querendo perdoar o cara, querendo acreditar que está tudo ainda na santa paz, diz pra astróloga: “Carlinhos disse que essa vadia é maluca. Um amigo dele também me contou que ela é mó piranha, pega geral. Confio no Carlinhos.” A astróloga mira aquele Netuno quadrado Sol e diz: “claro, maluca…”

A mulher perdoa, mas a crise não passa e quem é a próxima maluca? Você, ela, eu! “Você tá ficando maulca?”- disse Brad Pitt à Jeniffer Aniston. “Eu com a Angelina Jolie? Pô, detesto a beiça daquela mulher!”

Então, aqui vai o meu recado: não tenho o intuito de surtar você, cara leitora. Não desconfie da sua sombra. Ela é maluca, não fez nada. Só uma dica, quando ele falar “Aquela mulher é maluca!” Desconfie! Peça atestado médico!

Desconfie também, quando ele começar a dizer que você está maluca. Maluca é a mãe! Dar diagnóstico psiquiátrico pros outros é fácil, quero ver explicar o último SMS da fulaninha da academia.

Homens, sejam mais criativos. Dêem nome aos bois. “Flavinha?! Você tá desconfiada da Flavinha? Fala sério! Num sabe que a Flavinha tem complexo hipertônico bipolar parental?” Vamos lá! Me convença! Eu quero acreditar que não sou corna!

Mas ó, mulherada, não fica encafifada com o que acabei de escrever, não. Meus namorados sempre me disseram que sou maluca. Confio neles. kkkkkkkkkkkk

 

Foto: Cris Lustosa (super curto!)

12

Comentários

  1. Blanca disse:

    Jajajajaja! adorei!!!