20130715-083703.jpg

Faixa preta

Nunca fiz jiujitsu, mas imagino que seja algo parecido com trocar fraldas de um bebê de 11 meses.

No caso, Bento é faixa preta e eu branca.

Cada troca é uma luta. Voa fralda, cocô, xixi, calça, lenço umedecido… Uso todas as minhas armas. Canto, faço careta, dou brinquedo. Até que no final, necessito usar minha força física – o que rende um choro indignado como se me dissesse “não vale, mãe.”

Quando acaba, fazemos as pazes de novo. Até a próxima cagada…

4